Fotógrafo inicia jornada "Em Busca do Cavalo Crioulo"

Cavalo Crioulo

Fotógrafo inicia jornada "Em Busca do Cavalo Crioulo"

Fagner Almeida vai registrar a raça em diversos países por meio de webséries e publicações fotográficas
Por:
93 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente

Experiente fotógrafo da raça Crioula, o gaúcho Fagner Almeida está iniciando um novo projeto que vai mostrar o Cavalo Crioulo em diversos ambientes e nos locais mais longínquos do mundo. A série "Em Busca do Cavalo Crioulo" terá uma proposta fotográfica e audiovisual que será dividida por temporadas. A primeira parada será a Europa, onde o profissional passará 30 dias mostrando a evolução da raça no continente.

Conforme Almeida, o objetivo é mostrar o Cavalo Crioulo fora do seu eixo tradicional, nas mais distintas culturas, nas mais adversas situações de extremos lugares mostrando a adaptação da raça a qualquer local. "Tenho feito diversos trabalhos fora do Estado e do país e queremos mostrar até onde o Cavalo Crioulo pode chegar. A primeira temporada será na Europa em cabanhas da Itália, Alemanha, França e Suíça", salienta.

A continuação será nos países do Mercosul, com capítulos mostrando o crescimento da raça no Uruguai, Argentina e Paraguai. O Brasil também está no roteiro do projeto fotográfico e audiovisual, mostrando o trabalho de crioulistas no Centro e Norte do país, onde está sendo observado um crescimento muito forte nestas regiões. Depois de pronto, o documentário será dividido em webséries e também documentado em publicações.

Natural de Esteio (RS), Fagner Almeida cresceu frequentando a maior exposição agropecuária da América Latina, a Expointer. Não perdia uma edição da feira, admirava os cavalos expostos, mas não imaginava que um dia iria fotografá-los, muito menos que essa se tornaria uma profissão. Começou a atuar na Marcha de Resistência, modalidade oficial do Cavalo Crioulo, e logo passou a registrar diferentes competições, como a Morfologia e o Freio de Ouro. Além disso, fotografou eventos como os Jogos Equestres Mundiais e as Olimpíadas de 2016. Almeida é destacado pela imprensa americana como um dos melhores fotógrafos equestre do mundo.

Nesta semana, Fagner Almeida parte para os Estados Unidos, onde vai novamente fotografar os Jogos Equestres Mundiais, além de já buscar registros para a série. Participam também do projeto "Em Busca do Cavalo Crioulo" a jornalista Júlia de Andrade e o editor e cinegrafista Otávio Ramos.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink