Frango: compra dos grandes importadores brasileiros continua menor

Agronegócio

Frango: compra dos grandes importadores brasileiros continua menor

Por:
695 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.
É o tipo de comparação indesejável, mas é forçoso fazê-la: enquanto nos EUA apenas um entre os 10 principais importadores de carne de frango reduziu suas compras neste ano (dados de janeiro a agosto), no Brasil o número de adquirentes com volume menor sobe para sete.

Em outras palavras, computados os dados relativos aos nove primeiros meses de 2012, observa-se que apenas três países importaram neste ano volume maior que em idêntico período de 2011. Mais exatamente, China, Emirados Árabes Unidos e Egito.

Porém, dos três, parece que apenas o Egito merece referência especial, porquanto aumentou suas importações em, praticamente, 150%, com isso subindo da 17ª para a 7ª posição no ranking dos países compradores da carne de frango brasileira. Já os Emirados Árabes registram aumento (+6,5%) que não chega a ser significativo, enquanto o aumento chinês é bem menos expressivo do que aparenta, já que nele está embutida a redução de exportações para Hong Kong. Como o destino é, praticamente, um só, as importações da China aumentaram, na realidade, menos de 5%, enquanto a receita cambial por elas proporcionada teve incremento que mal chegou aos 3,5%.

A realidade é que, se dependessem apenas desses 10 importadores, as vendas externas do frango brasileiro teriam recuado também no volume (isto é, não apenas na receita cambial), o que só não ocorreu porque entre os demais importadores (pouco mais de 130 países) o volume importado aumentou pouco mais de 7%
A registrar, confirmando previsão feita há menos de um mês, que a Venezuela já não integra o grupo dos 10 principais importadores da carne de frango brasileira. Sétima colocada nos nove primeiros meses do ano passado, agora ela se encontra na décima primeira posição. Aliás, com as pouco mais de 1,3 mil toneladas importadas no mês passado, a Venezuela foi apenas o 31º importador da carne de frango brasileira.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink