Frango: Preços da carne e do animal vivo sobem em mar/14
CI
Agronegócio

Frango: Preços da carne e do animal vivo sobem em mar/14

O avanço das exportações em março e a menor produção interna
Por:
O forte calor do início do ano elevou a mortalidade dos animais – enxugaram a oferta doméstica e elevaram as cotações nacionais no mês. A maior alta para o frango inteiro ocorreu no atacado da Grande São Paulo, onde o produto foi comercializado na média de R$ 3,52/kg em março, valor 10,1% superior à média de fevereiro. Para o frango resfriado, a valorização foi ainda mais significativa, de 11,1%, também na Grande São Paulo, com a média a R$ 3,43/kg.

Para os produtores independentes, especialmente os paulistas, os valores pagos pelo animal vivo também estiveram maiores em março. Na média do estado de São Paulo, o quilo do animal foi comercializado a R$ 2,47/kg, valor 8,8% maior que a média de fevereiro. Segundo colaboradores do Cepea, apesar dos preços mais altos, com a oferta restrita de animais produtores não conseguem aproveitar ao máximo o bom momento do setor. Quanto às exportações de carne de frango in natura, subiram em março pela primeira vez no ano, com volume embarcado de 295,1 mil toneladas, 12,9% a mais que em fevereiro, segundo dados da Secex.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink