Frango abatido já vale menos que há passados 30 dias
CME MILHO (DEZ/20) US$ 4,200 (0,72%)
| Dólar (compra) R$ 5,63 (0,59%)


Frango

Frango abatido já vale menos que há passados 30 dias

Passados os efeitos diretos e indiretos da greve dos caminhoneiros, as cotações do frango abatido recuam vertiginosamente
Por:
81 acessos

A bolha exauriu-se. Passados os efeitos diretos e indiretos da greve dos caminhoneiros, as cotações do frango abatido recuam vertiginosamente: no momento encontram-se no mesmo patamar de 30 dias atrás, o que significa dizer que toda a valorização obtida em função do movimento está praticamente perdida.

Foi bastante representativa a valorização decorrente da paralisação. Nos 16 dias transcorridos entre o início do movimento (21 de maio) e a retomada inicial dos abates (5 de junho), os negócios efetivados no grande atacado paulista registraram incremento de preço superior a 50%. 

Então, o frango abatido resfriado (base: negócios no grande atacado paulistano) foi comercializado por R$4,75/kg e - ainda que por pequena margem (+1,6%) - superou o recorde de preço alcançado em 2016. Mas o aparente ganho teve curtíssima duração. Porque em apenas três semanas os preços praticados sofreram redução de, praticamente, 30%. Assim, volta-se não só aos valores de 30 dias atrás, mas também aos de 365 dias atrás. Com um custo de produção visivelmente superior.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink