Frango/CEPEA: Boa liquidez no atacado eleva preços da carne
CI
Agronegócio

Frango/CEPEA: Boa liquidez no atacado eleva preços da carne

Frigoríficos continuam encontrando “espaço” para reajustar os valores
Por:

Depois de ter chegado ao menor patamar em nove meses no final de maio, a carne de frango segue se recuperando em junho, mesmo já tendo passado o período de maior demanda do mês (recebimento dos salários). Segundo colaboradores do Cepea, frigoríficos continuam encontrando “espaço” para reajustar os valores, apoiados na boa liquidez do atacado.

Assim, o frango congelado na Grande São Paulo acumula alta de 6%, com o quilo a R$ 3,16 nessa quinta-feira, 12; para o resfriado, o aumento é de 4,3%, a R$ 3,18/kg. Nas granjas, porém, os preços do frango vivo seguem de estáveis a ligeiramente menores, dependendo da região pesquisada pelo Cepea. Apesar disso, o poder de compra de avicultores em relação ao milho (um dos principais insumos) continua sendo favorecido porque as quedas do grão são mais intensas que as da ave. 

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink