FRANGO/CEPEA: Exportação elevada impulsiona preços domésticos

Frango

FRANGO/CEPEA: Exportação elevada impulsiona preços domésticos

Preços da carne de frango in natura têm apresentado altas expressivas no correr deste mê
Por:
199 acessos

Os preços da carne de frango in natura têm apresentado altas expressivas no correr deste mês, impulsionados pelo ritmo aquecido dos embarques brasileiros da proteína e também pela menor oferta doméstica – vale lembrar que o mercado esteve desfavorável ao setor em boa parte de 2018, o que levou avicultores a reduzir a produção. No acumulado de fevereiro (até o dia 21), o frango inteiro congelado negociado no atacado da Grande São Paulo se valorizou expressivos 5,1%, com o preço médio a R$ 4,34/kg na quinta-feira, 21.

Para o produto resfriado, a alta foi ainda mais intensa, de 8,2%, com negócios a R$ 4,42/kg no dia 21. Dentre os cortes acompanhados pelo Cepea no mercado paulista, o peito de frango resfriado foi o que teve a maior valorização no acumulado parcial de fevereiro, de 4,2%, fechando a R$ 5,45/kg na quinta-feira. Quanto às exportações, conforme dados da Secex, nos primeiros 11 dias úteis deste mês, a quantidade média diária de carne de frango exportada pelo Brasil foi de 16,84 mil toneladas, volume 42,1% superior ao registrado em janeiro, quando era de 11,85 mil t/dia.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink