Frango

Frango/Cepea: maior demanda sustenta preço interno, apesar da redução dos embarques

Segundo pesquisadores do Cepea, esse cenário indica uma melhora na demanda brasileira por carne de frango
Por:
6 acessos

As exportações de carne de frango caíram em outubro pelo segundo mês seguido, mas os preços internos da proteína estão firmes e, inclusive, em alta neste início de novembro em muitas regiões acompanhadas pelo Cepea.

Segundo pesquisadores do Cepea, esse cenário indica uma melhora na demanda brasileira por carne de frango, o que vem ajudando a absorver o volume que não foi embarcado. Em outubro, o Brasil exportou 358,8 mil toneladas de carne de frango in natura, redução de 5,6% frente ao volume de setembro/17 e a menor quantidade desde maio/17, segundo dados da Secex.

No mercado interno, por sua vez, os preços do frango inteiro resfriado subiram 0,3% em Toledo (PR) entre 1º e 8 de novembro, a R$ 4,07/kg nessa quinta-feira, 9.

O produto congelado se valorizou 0,7% na mesma praça, para R$ 3,51/kg nessa quinta. No mercado de cortes, todos os produtos levantados pelo Cepea, tanto congelados quanto resfriados, registraram aumentos nos valores no atacado da Grande São Paulo. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink