Frio derruba o sebo bovino

Agronegócio

Frio derruba o sebo bovino

Cotação do sebo bovino no Brasil Central, de acordo com levantamento da Scot Consultoria, recuou R$0,05/kg, chegando a R$1,35/kg (FOB - diferido)
Por:
413 acessos

A cotação do sebo bovino no Brasil Central, de acordo com levantamento da Scot Consultoria, recuou R$0,05/kg, chegando a R$1,35/kg (FOB - diferido). Fora de São Paulo foram registrados negócios abaixo desse patamar. Não houve aumento de oferta. A questão é que, com a queda das temperaturas, a demanda literalmente esfriou. O frio, por motivos óbvios, afeta negativamente as vendas do setor de higiene e limpeza. Mas também, atrapalha o desempenho do sebo na fabricação de biodiesel. Isso porque, abaixo de temperaturas na casa de 22ºC, o produto tende a cristalizar. As indústrias, portanto, partem atrás de outras matérias-primas, como o óleo de soja.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink