Futuros do trigo fecharam com a primeira alta em Chicago
CI
Agronegócio

Futuros do trigo fecharam com a primeira alta em Chicago

O resultado se deveu a especulações de seca prolongada na Rússia
Por:

Exportações afetadas. Os futuros do trigo fecharam nesta terça-feira (27) com a primeira alta em três pregões na bolsa de Chicago. Segundo analistas, o resultado se deveu a especulações de que a seca prolongada na Rússia afetará ainda mais a produção do país - o que elevaria a demanda pelo trigo americano. Previsões do governo russo apontam para uma queda na produção de grãos para menos de 80 milhões de toneladas nesta safra. O governo cogita, inclusive, interromper as exportações do cereal. "As pessoas estão preocupadas com a interrupção dos embarques russos", disse à Bloomberg Brian Grete, da Professional Farmers of America. Em Chicago, papéis para dezembro fecharam a US$ 6,2700 por bushel, alta de 6 centavos. No mercado interno, a saca fechou a R$ 22,66, com alta de 0,09%, segundo o Deral.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.