Goiás Genética tem abertura oficial nesta terça-feira (6)

Agronegócio

Goiás Genética tem abertura oficial nesta terça-feira (6)

A abertura oficial da Goiás Genética 2016, acontece no Parque de Exposição Pedro Ludovico Teixeira.
Por:
317 acessos

A abertura oficial da Goiás Genética 2016, segunda maior feira tecnológica de bovinos do país, acontece nesta terça-feira (6), às 9 h, no Parque de Exposição Pedro Ludovico Teixeira. O evento, que é uma realização entre a Associação Goiana dos Criadores de Zebu (ABCZ) e a Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (FAEG), começou no sábado (3), com o Seminário e Feira de Touros da Pró-Genética, e segue até o dia 10, quando acontece o 22º Leilão Touros Jovens da Embrapa/AGCZ. Também são parceiros o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR Goiás) e Sociedade Goiana de Pecuária e Agricultura (SGPA). O evento tem o apoio do Governo de Goiás, Prefeitura de Goiânia, Nelore Goiás e Sindicarne.

A Goiás Genética 2016 é o momento para a troca de informações e experiências, aprendizado e negócios relacionados à pecuária, em especial dos zebuínos. E é o espaço para esclarecer para pequenos e médios produtores de Goiás – e de outras partes do país – como o melhoramento genético dos animais pode influenciar na qualidade da carne, em especial do Zebu, como e por quê fazer o melhoramento genético.

Durante a Goiás Genética, os produtores poderão conhecer programas de melhoramento genético. Também será possível avaliar os programas de financiamento que possibilitarão começar o melhoramento e, assim, aumentar a produção e a qualidade da carne produzida. Esta é a sexta edição do evento e, este ano, estarão presentes os especialistas Guilherme J. M. Rosa da University of Wisconsin (EUA) e Fernando Baldi, da Universidade Estadual Paulista (Unesp). Além das palestras, os participantes conhecerão de perto como é o processo de melhoramento genético em visita monitorada.

A programação tem como tema central “A qualidade da carne produzida no Brasil” e será a oportunidade para debater e adquirir conhecimentos sobre o manejo, nutrição e, principalmente, como a genética zebuína pode influenciar positivamente os resultados na pecuária. Esta edição busca, ainda, trazer aos pecuaristas as últimas novidades relacionadas à carne zebuína, pesquisas e tecnologias aplicadas ao setor.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink