Governador do RS cobra solução para IPI de vinhos e espumantes
CI
Agronegócio

Governador do RS cobra solução para IPI de vinhos e espumantes

Por:

Em conversa por telefone com o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, o governador do Rio Grande do Sul, Germano Rigotto, reforçou ontem (18-11), a necessidade urgente de o governo revogar as portarias que aumentaram o IPI dos vinhos, em julho, e dos espumantes, no último dia 11. O imposto sobre os espumantes foi reajustado em até 80%. Para os vinhos, a elevação chegou a até 300% em alguns casos.

Rigotto argumenta que a medida traz enormes prejuízos aos produtores, porque reduz em muito a competitividade das bebidas nacionais. No caso dos espumantes, a carga tributária subiu justamente numa época do ano em que o consumo é significativamente maior por causa das festas de final de ano. Ele já tinha conversado sobre o assunto, em duas ocasiões, com o ministro-chefe da Casa Civil, José Dirceu, que se comprometeu em interferir junto à área econômica do governo, para que os aumentos de IPI fossem revistos.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink