Governo anuncia apoio para 3 milhões de t de milho
CI
Agronegócio

Governo anuncia apoio para 3 milhões de t de milho

Governo lançará nas próximas semana contratos a termo
Por:
Com agências - A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) promete apoiar a comercialização de ao menos 3 milhões de toneladas de milho neste ano. O anúncio foi feito nesta quinta-feira secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Neri Geller, durante a divulgação do oitavo levantamento da safra de grãos 2012/13 da estatal. Segundo ele, o governo lançará nas próximas semana contratos a termo, para entrega futura com preço fixo, para 1 milhão de toneladas e contratos de opção de venda para outras 2 milhões de toneladas nas regiões onde as cotações de mercado estiverem abaixo do preço mínimo de garantia. N4essas modalidades, o governo compra milho para recompor os estoques públicos. As operações já teriam sido aprovadas pelo Conselho Interministerial de Estoques Públicos de Alimentos (Ciep).


Ainda segundo o secretário os leilões de milho para venda em balcão no Nordeste – 70 a 80 mil toneladas ou um pouco mais por mês – também continuarão. Ele explicou que os instrumentos são importantes para “balizar os preços do mercado e assegurar a renda dos produtores rurais”. Ele disse que o conselho também está discutindo outras medidas para dar sustentação aos preços do milho, como o lançamento de leilões de prêmios para escoamento da safra (PEP) e de equalização ao produtor (Pepro).


Na avaliação do setor produtivo, cerca de 10 milhões de toneladas de milho precisariam de apoio nessas modalidades para serem escoadas. “É importante que o governo refaça a recomposição dos seus estoques, mas devido à abundância de oferta, sugerimos que o governo (..) junte mais recursos e adquira 10 milhões de tonelada por meio do PEP e Pepro. Mesmo fazendo isso, ainda teremos um excedente no pais de aproximadamente 15 milhões de toneladas.”, disse ontem o presidente da Aprosoja, Carlos Fávaro, durante reunião com o ministro da Agricultura, Antônio Andrade.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.