Governo de Minas lança Panorama do Comércio Exterior do Agronegócio

Agronegócio

Governo de Minas lança Panorama do Comércio Exterior do Agronegócio

Anuário estará disponível também na internet e mostra força das exportações do agronegócio estadual
869 acessos

A terceira edição do "Panorama do Comércio Exterior do Agronegócio de Minas Gerais" foi publicada pela Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Seapa) e a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sede), por meio da Central Exportaminas. O estudo – em inglês e português – apresenta de forma clara e objetiva, informações sobre a evolução das exportações e das importações dos produtos que compõem a balança comercial do agronegócio mineiro, além de evidenciar os principais mercados e tendências.

Para isso, as equipes técnicas da Seapa e da Central Exportaminas analisaram os dados do comércio exterior de 2010 e anos anteriores. O documento também apresenta em detalhes toda a diversidade de produtos exportados pelo Estado, com o objetivo de facilitar a identificação de oportunidades comerciais por parte de empresas estrangeiras.

Novo recorde

Em 2010, as exportações do agronegócio mineiro atingiram seu maior valor histórico, apresentando incremento de 29,7% em relação a 2008 – último recorde antes de 2010. A receita de exportação do agronegócio mineiro foi de US$ 7,6 bilhões no ano passado, crescimento de 34,7% em relação a 2009. O aumento do valor exportado pelo setor mineiro foi superior ao incremento das vendas brasileiras, o que fez com que a participação das exportações do agronegócio de Minas, em relação ao setor nacional, passasse de 8,7% em 2009 para 10% em 2010.

Já as importações chegaram a US$ 339 milhões, valor 31,9% superior ao de 2009. As compras externas do agronegócio do Estado representaram 2,5% do total nacional do setor em 2010. O superávit comercial gerado pelo agronegócio mineiro chegou a US$ 7,3 bilhões, o que equivale a 11,5% das divisas geradas pelo agronegócio nacional. Em relação a 2009, houve incremento de 34,8% no saldo da balança comercial do agronegócio de Minas.

A participação das exportações do agronegócio mineiro nas exportações totais do Estado foi de 24,4%. Os bons resultados de 2010 mostram que está consolidada a recuperação da economia mineira diante dos efeitos da crise financeira mundial de 2008 e 2009.

Produtos em destaque

O secretário da Agricultura de Minas Gerais, Elmiro Nascimento, considera que o aumento da receita com as vendas externas do agronegócio mineiro reflete principalmente o crescimento do consumo mundial. Ele destaca a participação do café, segundo em importância, depois do minério de ferro, no conjunto dos produtos exportados pelo Estado. “O café segue com alta aceitação no mercado mundial, respondendo por 54% das exportações do nosso agronegócio”, diz Nascimento. “O valor das vendas do café de Minas Gerais no ano passado foi o maior registrado desde 2003, ano de início da série abordada pelo Panorama”.

Já o complexo sucroalcooleiro ocupou, no ano passado, a segunda colocação entre os principais grupos de produtos exportados por Minas Gerais, respondendo por 13,7% das vendas externas do setor. O secretário acrescenta que, além disso, as exportações do grupo de carnes por Minas Gerais seguem em crescimento. “O Panorama registra uma receita de US$ 770,3 milhões com a comercialização externa de carnes por Minas no ano passado, cifra 11,42% milhões superior à de 2009. Destaque para os negócios com o frango, que somaram US$ 252,9 milhões, receita 35,6% maior do que a do ano anterior.”

Para a secretária de Desenvolvimento Econômico, Dorothea Werneck, os resultados das exportações e importações do setor demonstram a importância do agronegócio para a economia de Minas Gerais. “O agronegócio tem sido destaque no crescimento do comércio exterior de Minas Gerais e contribuído para que o Estado continue sendo o principal responsável pela geração de superávit da balança comercial brasileira”, afirma.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink