Governo peruano visita Sinfra e debate integração logística em MT

Agronegócio

Governo peruano visita Sinfra e debate integração logística em MT

Os peruanos enxergam Mato Grosso como um grande parceiro
Por:
691 acessos

Os peruanos enxergam Mato Grosso como um grande parceiro

O governo estadual recebeu a visita da delegação do governo de Tacna, do Peru, que cumpre agenda no estado discutindo a possibilidade de integração logística do Brasil, Bolívia, Chile e Peru, para no futuro conectar os oceanos Pacífico e Atlântico. Os peruanos enxergam Mato Grosso como um grande parceiro, que poderá representar a oportunidade deles receberem produtos agrícolas e embarcá-los para China, atualmente o maior importador das commodities brasileiras.

O gerente da Zona Franca de Tacna, Jorge Ortiz, e o consultor Enrique Garcia foram recepcionados nesta tarde na sede da Secretaria de Infraestrutura e Logística (Sinfra) pelo secretário adjunto de Logística, Rogério Arias, pela superintendente de Projetos e Plano Diretor, Eliza Mauro, pelo consultor internacional de logística da Sinfra, Marco Argolo, e pelo professor-doutor da Universidade Federal de Mato Grosso, Luiz Miguel Miranda.

Juntos, eles conversaram sobre possíveis alternativas para conectar estes países que fazem parte do Centro-Oeste Sul-Americano, mas que atualmente estão “de costas” um para o outro do ponto de vista da integração regional.

Os peruanos falaram sobre o apoio político do governo de Mato Grosso para viabilizar recursos para pavimentação de mais de 300 quilômetros situados dentro da Bolívia, a partir da fronteira internacional de Cáceres. A estrada seria um primeiro passo para essa integração, que inclui ainda debates acerca de ferrovias, portos e relações comerciais por meio das zonas francas dos países. O diretor da Zona Franca de Tacna, Jorge Ortiz, avaliou como positivas as diversas reuniões de trabalho que estão sendo realizadas ao longo desta semana.

 “Nós de Tacna, estamos em uma região que faz fronteira com Chile e Bolívia. Por isso, assim como vocês de Mato Grosso, buscamos a integração econômica e social por meio do corredor bioceânico, para unir o Pacifico com Atlântico. Neste sentido, nós nos propusemos a conversar com empresários e líderes do governo para podemos integrá-los”, afirmou.

O secretário de Logística da Sinfra, Rogério Arias, afirmou que o encontro ajuda a estreitar as relações com o país vizinho. Ele destaca que o desenvolvimento da infraestrutura em conjunto poderá gerar uma conexão econômica, social e cultural entre os três países Bolívia, Peru e Chile.

A viagem da delegação do Peru foi articulada pelo Gabinete de Relações Internacionais, sob o comando de Rita Chiletto, e é resultado da aproximação intensificada nesta gestão pelo governo de Mato Grosso. Entre os dias 22 e 27 de abril, o governador Pedro Taques liderou uma comitiva que percorreu Bolívia, Chile e Peru para conhecer de perto a realidade da infraestrutura e da logística dos países vizinhos e viabilizar parcerias comerciais e econômicas.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink