Governo prorrogará IN 51 por um ano

Agronegócio

Governo prorrogará IN 51 por um ano

Apesar das inúmeras prorrogações, governo acredita que a qualidade da produção melhorou
Por:
406 acessos

Após encontro com o setor produtivo em Brasília, o secretário de Defesa Agropecuária do Mapa, Francisco Jardim, confirmou que o governo prorrogará por 12 meses a instrução normativa 51/02. O texto, que regula os parâmetros de qualidade do leite nos tambos, entraria em vigor em 1 de julho. A medida, contudo, ainda depende do aval do ministro da Agricultura Wagner Rossi, que está na Europa. Apesar das inúmeras prorrogações do texto, o governo acredita que a qualidade da produção melhorou bastante. "Houve um grande avanço, pois empresas e produtores investiram forte. Queremos estimular ainda mais", pontuou Jardim. Nos próximos 12 meses, grupo técnico vai avaliar os gargalos da implantação da IN 51 para que não seja necessário nova prorrogação em julho de 2012. Um dos pontos a ser revisto, adianta Jardim, é o teto fixado para a contagem de células somáticas e bactérias. Atualmente, o limite de contagem bacteriana é de 750 mil Unidades Formadoras de Colônia por mililitro, o que, com a IN, baixaria para 100 mil. Com relação às Células Somáticas, o teto passaria de 750 mil/ml para 400 mil. Se adotadas de imediato, as novas regras excluiriam 95% dos produtores brasileiros. A Câmara Setorial sugere redução gradual dos índices.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink