Agronegócio

Governo quer reverter decisão que barra transgênicos

A afirmação foi feita hoje pelo ministro da Agricultura, Luís Carlos Guedes Pinto
Por: -Priscilla Mazenotti
59 acessos

O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Luís Carlos Guedes Pinto, disse nesta sexta-feira (15-12) que o governo vai recorrer à Advocacia Geral da União (AGU) para reverter decisão da Justiça Federal do Paraná que impediu a liberação do milho transgênico que seria comercializado pela empresa Bayer CropScience.

A liminar, concedida nessa quinta, foi proposta pela organização não-governamental Terra de Direitos, pelo Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) e pela Assessoria e Serviços a Projetos em Agricultura Alternativa (AS-PTA). As entidades entenderam que a sociedade civil não tinha sido consultada sobre a liberação comercial do milho transgênico, e por isso, entraram com a ação pedindo a realização de uma audiência pública sobre o assunto.

Para o ministro, não há necessidade de audiência pública, já que o produto havia sido aprovado pela Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio). “Esperamos que os técnicos do governo e a AGU derrubem essa liminar”, disse Guedes.

Segundo o ministro, decisões como essa colocam em risco o desenvolvimento da agricultura brasileira. “Investimos fortemente em ciência e tecnologia para que nossa agricultura seja cada vez mais sustentável, do ponto de vista ambiental e social, e para que ela seja competitiva. Decisões como essa prejudicam esse avanço da agricultura brasileira, e o Brasil tem um enorme potencial em termos da produção agropecuária”, destacou.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink