Granizo destrói lavouras de fumo
CI
Agronegócio

Granizo destrói lavouras de fumo

Por:

Departamento de Mutualidade da Afubra analisa perdas causadas pela incidência da última quinta.

Os vales do Rio Pardo e Taquari registraram na última quinta-feira mais uma ocorrência de granizo da safra de fumo 2003, que agora já totalizam 85. O supervisor do Departamento de Mutualidade da Associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra), Iraldo Backes, estima que a nova incidência atingiu cerca de 1.500 produtores de fumo da região. 'Já registramos 27 mil produtores atingidos nesta safra', informou.

Backes explicou que a estiagem dos últimos dias possibilitou a conclusão das avaliações das lavouras atingidas anteriormente. 'Com isso, os avaliadores já foram novamente a campo nesta sexta-feira para verificar os atuais prejuízos', adiantou, salientando que os danos foram diversificados. 'Há casos de perda total e outros menos graves.' No entanto, o inspetor calcula que não são poucos os prejuízos causados pelo granizo, devido à fase em que se encontram as lavouras. 'Com o fumo na época de colheita, do alto meio pé e com dez folhas em média, foi atingido justamente o produto de maior valor comercial', lamentou, lembrando que o tabaco mais valorizado pelas indústrias é o de maior peso e cor alaranjada.

Segundo Backes, a comercialização do fumo ainda está lenta. 'Não mais que 3% da safra foram comercializados até agora, pois o produtor tem acelerado a colheita devido ao sol forte, que apressa a maturação', explicou. 'Com isso, pouco tempo sobra para classificar e comercializar.' A produtividade também preocupa os fumicultores. 'A qualidade é boa, mas muitos produtores não alcançarão a estimativa inicial.' Ele orienta os produtores para que não interrompam a colheita em razão das avaliações para o seguro mútuo. 'Basta deixar três vergas de amostra intactas por lavoura atingida para servirem de base para a avaliação dos danos.'


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.