Horário de verão começa no próximo dia 16 de outubro; ponteiros ser adiantados em uma hora

Agronegócio

Horário de verão começa no próximo dia 16 de outubro; ponteiros ser adiantados em uma hora

O horário de verão 2016/2017 começa à meia-noite do dia 16 de outubro.
Por:
709 acessos

O horário de verão 2016/2017 começa à meia-noite do dia 16 de outubro. Os ponteiros dos relógios terão de ser adiantados em 1 hora. O objetivo do período, determinado pelo Governo Federal, é a redução do consumo de energia elétrica durante o horário de pico das 18h às 21h.

O horário de verão 2016/2017 seguirá até à zero hora do dia 19 de fevereiro de 2017, quando os relógios deverão ser atrasados em 1 hora.

Mato Grosso registrou uma redução de 4,64% na demanda por energia elétrica no horário de ponta (18h às 21h) durante o horário de verão 2015/2016. O desempenho foi inferior aos 4,81% constatados em no período 2014/2015. Os números são da concessionária Energisa.

Analise feita pelo Departamento de Operação da Energia Mato Grosso revelou na ocasião do Horário de Verão 2015/2016 uma queda na demanda de 52,82 megawatts (MW) no horário de pico. Em termos de redução de consumo Mato Grosso registrou recuo de 0,85% na edição passada do horário de verão, o equivalente a uma economia de 27.475,32 megawatts-hora (MWh). Tal economia de consumo, de acordo com a Energisa, é suficiente para atender um município do porte de Primavera do Leste, por exemplo, por dois meses ou Chapada dos Guimarães por dez meses.

Além de Mato Grosso, o horário diferenciado vale para os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink