IBGE registra queda na produção industrial em março


Agronegócio

IBGE registra queda na produção industrial em março

Por:
1 acessos

A produção industrial brasileira, em março, caiu 3,4% frente à de fevereiro, resultado, conforme divulgou há pouco o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), influenciado pelo fato de o feriado de carnaval deste ano ter sido em março. No entanto, os índices são positivos na comparação com março de 2002 (0,7%), no acumulado do primeiro trimestre (2,5%) e no acumulado dos últimos 12 meses (3,5%). Na comparação entre o primeiro trimestre de 2003 e o último de 2002, o setor caiu 1,1%.

Segundo o IBGE, a queda de 3,4% na comparação com fevereiro atingiu 14 dos 20 ramos e as quatro categorias de uso. As reduções mais agudas ocorreram nos ramos de: mobiliário (-22,9%), farmacêutica (-18,8%), material de transporte (-13,6%), matérias plásticas (-12,1%), bebidas (-10,8%) e vestuário e calçados (-10,7%). No corte por categorias de uso, o melhor resultado relativo é o de bens intermediários (-0,7%), único segmento com desempenho acima da média industrial. Na área de bens de capital, a queda chegou a 3,8%, mas as taxas mais negativas ficam com os segmentos de bens de consumo, cujo destino predominante é o mercado interno. Os bens de consumo semiduráveis e não-duráveis caíram 5,2% e os bens de consumo duráveis 20,2%.

Ainda de acordo com o Instituto, na comparação com março de 2002, o ligeiro crescimento de 0,7% na produção industrial é sustentado basicamente pelos desempenhos de mecânica (9,4%) metalúrgica (7,2%), química (3,6%) e extrativa mineral (3,8%).


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink