Illycaffè quer dobrar produção em cinco anos
CI
Agronegócio

Illycaffè quer dobrar produção em cinco anos

Por:

A italiana Illycaffè s.p.a., uma das maiores torrefadoras de café do mundo, pretende dobrar nos próximos cinco anos suas vendas. A empresa finalizou investimento de € 8 milhões para dobrar sua capacidade de produção anual, de 12 mil para 25 mil toneladas de café expresso. O faturamento da empresa deve fechar 2003 com pouco mais de € 200 milhões, uma alta de 10% em relação ao ano anterior.

"A expectativa é dobrarmos nos próximos cinco anos", afirma o empresário Ernesto Illy, presidente da empresa italiana, com sede em Trieste. Nos últimos dez anos, a Illycaffè cresceu 190%. Em 1993, o faturamento da torrefadora atingia € 66,6 milhões, afirma ele.

Maior presença

Ernesto Illy orgulha-se em afirmar que a empresa produz um único "blend". O principal fornecedor de café para o expresso é o Brasil, sobretudo pela maneira como o grão é secado pelos cafeicultores do País, em terreiro. Segundo o empresário, este é o grão ideal para o tipo expresso. O café brasileiro representa cerca de 55% do blend total; cafés produzidos nos países da América Central e países africanos complementam a mistura. Por ano, a empresa industrializa 250 mil sacas (60 quilos), dos quais cerca de 130 mil do Brasil.

No mercado externo, a empresa vem aumentando sua presença. A Illycaffè já vende para 98 países da Europa, América do Sul, América do Norte e Ásia e o expresso Illy é vendido em mais de 40 mil restaurantes, que negociam em média cerca de 5 milhões de xícaras de café expresso para gourmets.

A Itália continua sendo o principal mercado da Illycaffè, com 50% das vendas totais. Depois dos italianos, os maiores mercados são os Estados Unidos e a Grécia, diz o empresário.

Um exemplo da maior penetração do café expresso da empresa é a Inglaterra, país que tem maior tradição no consumo de chá e café solúvel. "Os ingleses descobriram nosso expresso", diz Illy. Há cinco anos, os britânicos praticamente não compravam nada em relação às 450 toneladas que são enviadas atualmente.

Para garantir fornecimento de matéria-prima, a torrefadora realiza há 13 anos no Brasil um prêmio para o melhor café produzido. São distribuídos US$ 100 mil, dos quais US$ 73 mil entre os dez primeiros colocados. A edição deste ano é recorde em inscrições, com 914 no total. "Os vencedores têm sua venda garantida, com ágio."

História

A história da Illycaffè começou em 1933 quando Francesco Illy, um inventor e líder industrial, fundou a torrefadora já na cidade de Trieste. Já nos primórdios a empresa, que produzia café torrado, começou a partir para um aprimoramento da qualidade do café. A família também desenvolveu um sistema de empacotamento pressurizado para a preservação do café, e conseguiu uma melhor fixação da gordura do grão, que, por sua vez, é um excelente solvente dos aromas voláteis do café.

Desta forma, enquanto as empresas torrefadoras vendem seu produto embalado a vácuo, o produto da Illycaffè é acondicionado em latas - desenvolvidas especialmente pela empresa - com alta pressão, com gás nitrogênio. "Esta tecnologia faz com que o produto tenha maior conservação", diz o empresário.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink