Indonésia permitirá importação de gado vivo de Brasil, México e Espanha

Agronegócio

Indonésia permitirá importação de gado vivo de Brasil, México e Espanha

A Austrália está em processo de recuperação de seu rebanho, após uma seca ter atingido o país
Por:
753 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

A Austrália está em processo de recuperação de seu rebanho, após uma seca ter atingido o país

A Indonésia planeja permitir a importação de gado vivo do México, Brasil e Espanha, com o objetivo de estabilizar os preços da carne bovina no mercado interno, informou o ministro do Comércio do país, nesta sexta-feira. "Nossos preços estão subindo e não acho que vão cair, esse é o motivo de estarmos abrindo importações de outras origens", afirmou o ministro Enggar Lukita a jornalistas, após recentes discussões com seu colega da Austrália, maior fornecedor de gado para a Indonésia.

"O Brasil está muito mais longe, mas seu gado é mais barato que o da Austrália", afirmou ele.

Praticamente, todo o gado importado pela Indonésia normalmente é enviado pela Austrália, em um comércio de quase 600 milhões de dólares no ano passado.

 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink