Indústria encerra compras de fumo desta safra

Agronegócio

Indústria encerra compras de fumo desta safra

As empresas prevêem para a próxima semana a conclusão do recebimento do produto
Por:
74 acessos

As empresas fumageiras ligadas ao Sindicato da Indústria do Fumo (Sindifumo) prevêem para a próxima semana a conclusão do recebimento do produto da safra 2006/07. Cálculos do setor indicam que resta a comercialização de aproximadamente 2% das mais de 700 mil toneladas de fumo previstas. O ritmo de beneficiamento de tabaco também começa a diminuir e, em agosto, boa parte dos 13 mil safreiros em Santa Cruz do Sul, Vera Cruz, Vale do Sol e Sinimbu terão os contratos rescindidos, segundo o Sindicato dos Trabalhadores na Indústria do Fumo e Alimentação (Stifa).

Com a proximidade do final do período de compras, os fumicultores voltaram a mostrar a sua insatisfação com os preços praticados pelas indústrias. Em junho e no começo deste mês, o valor pago ao produtor reagiu, ultrapassando o de tabela. A melhora na cotação do produto ocorreu porque atravessadores começaram a percorrer o interior para arrematar o fumo que ainda estava nos galpões e também porque a própria indústria precisava das arrobas para cumprir contratos com compradores. "Às vezes acontece de as empresas precisarem de um determinado tipo de fumo e irem em busca de arrobas no interior. Mas são casos isolados", disse o presidente do Sindifumo, Iro Schünke.

O recém-eleito presidente da Afubra, Benício Werner, afirma que o sistema integrado de produção não funciona mais como deveria, com problemas na relação indústria-produtor. Ele defende que o assunto seja amplamente debatido. O aparecimento de cada vez mais atravessadores é considerado preocupante pelo dirigente, bem como o surgimento de novas empresas durante a safra, sem que haja planejamento e integração com agricultores.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink