Indústrias de café projetam consumo 18% maior em três anos
CI
Agronegócio

Indústrias de café projetam consumo 18% maior em três anos

Por:

As indústrias de café ampliarão em 30% os investimentos em marketing durante os próximos três anos, e prevêem um aumento no consumo e conseqüentemente ampliação da receita. Serão R$ 30 milhões provenientes de recursos do Funcafé e de aportes feitos do próprio setor industrial. O objetivo das empresas é aumentar o consumo interno de café em 18,5%, conforme projeto apresentado recentemente ao ministro da Agricultura, Roberto Rodrigues.

No ano passado as indústrias torraram 13,5 milhões de sacas e a idéia é alcançar 16 milhões nos próximos três anos. Serão investidos R$ 45 milhões no projeto, dos quais R$ 30 milhões para marketing e outros R$ 15 milhões para uma campanha de conscientização dos consumidores.

O esforço para aumentar o consumo dará continuidade ao trabalho iniciado pela entidade na década de 80, com o lançamento do selo de pureza, que ajudou o consumo interno crescer significativamente. Dados da Abic (Associação Brasileira da Indústria do Café) mostram que em 1985 o consumo nacional era de 6,4 milhões de sacas. Em 2002, foram consumidas 13,5 milhões de sacas, o que significa um aumento de mais de 110% neste período de 17 anos.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.