Infocafé de 17/06/20

Imagem: Pixabay

INFOCAFÉ

Infocafé de 17/06/20

A bolsa de N.Y. finalizou a quarta-feira em alta
Por:
321 acessos

A bolsa de N.Y. finalizou a quarta-feira em alta, a posição julho oscilou entre a mínima de -0,50 pontos e máxima de +3,15 fechando com +2,60 pts.

O dólar encerrou o dia em alta de 0,46%, cotado a R$ 5,2607. O café produzido em 25 municípios da Serra da Mantiqueira terá a partir de agora um selo de Denominação de Origem (D.O.), uma espécie de certidão de nascimento. Um registro que vai identificar onde ele foi produzido. Esta certificação é um selo de qualidade considerado raro na cafeicultura nacional, sendo que, até hoje, apenas os cafés produzidos na região do cerrado mineiro tinham essa qualificação.

A obtenção da denominação de origem foi considerada uma vitória pela cafeicultura Simone Morais. Na cafeicultura há mais de 40 anos, ela faz parte do grupo produtores que recebeu a certificação. “Me sinto extremamente orgulhosa de estar na minha geração ainda conseguindo ter esse selo tão esperado, para poder agregar valor e mostrar que nossa região tem os cafés surpreendentes, e também é uma região muito tradicional”, comemorou. A confirmação como Denominação de Origem foi na última semana e beneficia oito mil produtores rurais de 25 municípios que mudaram, agora, o status de qualidade. Para matéria na integra acessem https://bit.ly/2YLuE4r . Fonte: EPTV e G1 Sul de Minas via CCCMG.  

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) adiou pela segunda vez as saídas a campo para recolher dados sobre a produção de café na safra 2020, como medida preventiva contra o novo coronavírus, informou a estatal nesta terça-feira. A primeira alteração no calendário foi anunciada em 17 de abril e, com isso, a divulgação dos números de produção, área e produtividade, inicialmente programada para o dia 17 de maio, estava prevista para ocorrer na próxima quinta-feira. Para o novo adiamento, a Conab considerou o maior número de funcionários nas lavouras nesta época da safra, devido aos trabalhos de colheita, e o atual cenário da pandemia no país.

"A nova data será anunciada assim que haja segurança em enviar os técnicos a campo para apurar informações", disse o diretor de Política Agrícola e Informações da Conab, Sergio De Zen. Em janeiro, em uma primeira pesquisa para a safra deste ano, a Conab estimou a produção em café do Brasil em intervalo de 57,15 milhões a 62,02 milhões de sacas, alta de até 25,8% frente 2019. Na quinta-feira, seria divulgada uma atualização do levantamento anunciado no início do ano. 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink