Iniciam novas turmas do Programa Negócio Certo Rural em SC
CI
Agronegócio

Iniciam novas turmas do Programa Negócio Certo Rural em SC

O programa é gratuito e acessível a todos os interessados
Por: -Marianna
O Negócio Certo Rural, um programa inédito de autoatendimento criado pelo Sebrae (Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) de Santa Catarina e realizado em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural de SC (Senar) terá novas turmas no mês de julho e agosto. A iniciativa busca qualificar os jovens a repensar as atividades econômicas ligadas ao meio rural para prospectar e alavancar novos negócios. Pesquisa, concepção, conteúdos, metodologia e material didático foram criados pelo Sebrae catarinense. O programa é gratuito e acessível a todos os interessados.

No dia 29/7, iniciam as aulas da turma de Jupiá; no dia 30/7, inicia no município de Itá; no dia 5 de agosto, começam as aulas de uma nova turma em Chapecó e no dia 13, em Saltinho.

O programa foi lançado em outubro de 2009, após o treinamento de cinco turmas experimentais. Neste ano de 2010, duas turmas concluíram o treinamento, dez turmas estão em andamento e a previsão é encerrar o ano com a formação de 55 turmas em todo o Estado.

Neste ano, o programa foi adotado nacionalmente pelo Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e começou a ser implantado em 13 estados com 74 turmas-piloto em Alagoas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pernambuco, Paraná, Rondônia, Tocantins e, novamente, Santa Catarina. Sebrae e Senar investiram 10 milhões de reais nesse esforço de expansão nacional.

“Para Santa Catarina é um orgulho ver um programa criado localmente pelo Sebrae e implementado em parceria com o Senar ganhar status nacional”, destaca o presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/SC, José Zeferino Pedrozo.

O Sebrae desenvolveu uma metodologia ambientada para o universo agrícola, visando orientar o produtor a identificar áreas de investimento, analisar a viabilidade do negócio, elaborar projeto e gerenciar o empreendimento com sucesso. “Faltava um meio de motivar os jovens para revitalizar suas propriedades rurais e/ou descobrir os empreendimentos viáveis que estão ao seu alcance”, assinala o gerente de comunicação com o mercado do Sebrae/SC, Spyros Diamantaras, lembrando que existem centenas de oportunidades esperando para serem descobertas em áreas como fruticultura, floricultura, mel, piscicultura, pequena agroindústria artesanal etc.

METODOLOGIA
As turmas são formadas por produtores rurais e filhos de agricultores familiares com idade de 16 a 35 anos que cumprem as cinco etapas do programa – encontrar uma idéia de negócio, verificar sua viabilidade, formalizá-lo, organizá-lo e administrá-lo e promover o relacionamento com o mercado.

As diferentes etapas são ministradas quinzenalmente e, intercalando cada uma delas, os participantes receberão consultoria individual dos técnicos do Senar e do Sebrae. Os conteúdos estão disponíveis em material impresso, pela internet ou em CD ROM. O conteúdo programático é transferido através de um processo de ensino-aprendizagem formatado em cinco etapas e seis encontros presenciais que contam com o suporte de seis manuais impressos.

Para sedimentar fortemente os conhecimentos, os alunos recebem consultoria de uma hora durante o curso, entre o segundo e o terceiro encontro. Após o término do curso, os alunos que abrirem efetivamente seus negócios terão mais quatro horas de consultoria; os que farão melhorias no negócio já existente ganharão mais duas horas.
Pesquisa com as cinco primeiras turmas revelam que 43% dos 114 egressos abriram novos negócios e 57% implantaram melhorias na propriedade.

Ao final do treinamento, os alunos estarão capacitados para atrair e reter clientes, construir relacionamentos, entender as forças e o comportamento do mercado. “Eles terão desenvolvido uma visão para buscar oportunidades de negócios e estudar produtos e serviços que atendam às novas demandas e necessidades dos clientes”, encerra Pedrozo. As informações são de assessoria de imprensa.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.