VORAZ

Inseticida tem recomendação ampliada contra lagartas

Voraz, da Adama, combina dois modos de ação
Por: -Leonardo Gottems
1340 acessos

O inseticida híbrido Voraz (metomil + novaluron) pode agora ser usado também nas culturas do tomate, milheto, sorgo, coco e dendê. O produto da Adama também teve seu registro alterado com a inclusão de recomendação para aplicação no pré-plantio do milho e da soja.

O inseticida Voraz atua de forma híbrida, ou seja, combina dois modos de ação no controle das lagartas de mais difícil controle do Brasil. O lançamento do produto ocorreu há cerca de um ano para soja, milho e trigo, com foco nas lagartas Falsa-medideira, Helicoverpa Armigera e também no complexo do gênero Spodoptera.

“A extensão possibilita que agricultores tenham um defensivo eficaz para uma série de culturas, facilitando o trabalho no campo e auxiliando a ter mais produtividade. Tudo isso porque a combinação de moléculas que compõe Voraz garante um controle efetivo dos mais diferentes tipos de lagartas, inclusive nas espécies já resistentes, como a Spodoptera”, explica Fabrício Pacheco, gerente de Produtos da Adama.

De acordo com o AgrolinkFito, o produto possui ainda recomendação para controle do Curuquerê (Alabama argillacea) e Lagarta da maçã (Heliothis virescens) no algodão, Traça da batatinha (Phthorimaea operculella) na batata, Bicho mineiro (Leucoptera coffeella) no café e Vaquinha verde amarela (Diabrotica speciosa) no feijão.

Veja também

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink