Instituto enfatiza questões científicas na agricultura
CI
Imagem: Pixabay
MUNDO

Instituto enfatiza questões científicas na agricultura

Organização tem projeto latino-americano
Por: -Leonardo Gottems

É fundamental atuar junto aos países para reposicionar as questões de ciência e tecnologia, facilitando o acesso à nova fronteira do conhecimento que permite percorrer um caminho para o pleno desenvolvimento agrícola e rural com a internalização das dimensões da sustentabilidade ambiental e da inclusão social. Essa é a determinação do Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA) para sua ação institucional. 

Essa foi a principal mensagem transmitida pelo Diretor-Geral do IICA, Manuel Otero, à Reunião do Conselho Diretor do FONTAGRO, mecanismo criado em 1998 para promover a inovação na agricultura familiar, a competitividade e a segurança alimentar. Composto por 15 países (Argentina, Bolívia, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Espanha, Honduras, Nicarágua, Panamá, Paraguai, Peru, República Dominicana, Uruguai e Venezuela), o FONTAGRO é patrocinado pelo Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) e IICA. 

A reunião de seu Conselho de Administração convocou, entre outros participantes, Celso Moretti, presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA); Julio Berdegué, Representante Regional da FAO para a América Latina e o Caribe, e Jesús Quintana, Diretor para as Américas da Aliança Bioversity International-CIAT. “Nossa principal preocupação é garantir condições institucionais para que a região aproveite ao máximo o potencial de transformação que os novos cenários da ciência e tecnologia oferecem”, disse Otero, lembrando o expresso mandato ministerial para que o IICA atue como plataforma de inovação da agricultura continental. 

Nesse sentido, destacou a importância da inovação institucional e de atender à demanda por novos enfoques, a partir dos modelos exitosos que dominaram a região nas últimas décadas, nos quais foram capazes de promover transformações e colocar as Américas em um lugar central para a segurança alimentar global. 

 


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink