Instituto Phytus ministra treinamento para Syngenta
CI
Agronegócio

Instituto Phytus ministra treinamento para Syngenta

No próximo dia 15 de abril inicia a 3ª edição do Approach R&D no Brasil
Por:
No próximo dia 15 de abril inicia a 3ª edição do Approach R&D no Brasil, com uma programação pensada estrategicamente para atender demandas particulares da Syngenta Proteção de Cultivos, empresa multinacional do setor de melhoramento genético, tratamento de sementes e proteção de cultivos. O Approach R&D é um treinamento especial desenvolvido pelo Instituto Phytus para uma empresa do agronegócio, e traz o conceito de explorar os principais cultivos agrícolas brasileiros a fim de gerar conhecimento técnico e explorar as competências estratégicas para a qualificação eficiente das equipes capacitadas.

Esse curso, que deverá abordar as áreas correlatas e fundamentais da ecofisiologia, fitossanidade e biotecnologia em aulas dinâmicas e Field Tour com visitas a fazendas, fábricas e estações experimentais de alta tecnologia, será desenvolvido com aulas presenciais e atividades online executadas através da plataforma de ensino a distância própria do Instituto Phytus. Como se trata de um curso de pós-graduação certificado pelo MEC, todos os participantes realizarão um Trabalho de Conclusão de Curso aliando os conhecimentos adquiridos durante o programa com as necessidades estratégicas para o sucesso do negócio da empresa.

O curso terá seis módulos, sendo que cada um deles trabalhará uma cultura específica e acontecerá na cidade onde essa cultura tem grande relevância no Brasil. Por exemplo, o primeiro módulo abordará a cultura do Milho e acontecerá em Uberlândia/MG em uma intensa semana de imersão. Os outros encontros tratarão sobre os seguintes temas: Algodão, Vegetais (batata e tomate), Cana-de-açúcar, Soja e Café. O tempo total de curso é de 18 meses e culmina com um módulo especial internacional nos Estados Unidos.

Entre os principais objetivos do curso estão preparar tecnicamente o grupo para os futuros desafios da empresa, desenvolvendo a teoria a partir do conhecimento prático da realidade in loco dos principais clusters (interiorização) e qualificar a equipe para um cenário dominado por eventos biotecnológicos e totalmente globalizado.

Segundo a coordenadora de EaD do Instituto Phytus, Tina Franchi, para cada tema, é designado um gestor que tem a responsabilidade de identificar quais são as tendências futuras para cada cultivo agrícola  e, com isso, definir a agenda dos conteúdos a serem ministrados  ao grupo participante. Dessa forma, por isso, o curso traz uma metodologia inovadora visando compartilhar conhecimentos atualizados e vislumbrando os cenários que estão por vir no mundo do agronegócio.

Interessados em conhecer mais sobre essa metodologia de ensino podem entrar em contato com a equipe do Instituto Phytus através do email relacionamento@iphytus.com ou acessando informações acerca do núcleo de ensino do Instituto através do site www.iphytus.com .

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.