Ipanema Agrícola amplia área com café


Agronegócio

Ipanema Agrícola amplia área com café

Por:
15 acessos

Empresa passa a cultivar 5,5 mil hectares, alta de 37%, e elevará produção para 135 mil sacas. A Ipanema Agrícola, maior produtora de cafés especiais do Brasil, acaba de concluir a aquisição de uma nova fazenda no município de Conceição do Rio Verde, pertencente a uma das sócias proprietárias da empresa: a Trilux Participações S.A. Com a compra, a área de cultivo da companhia será ampliada em 37%, para 5,5 mil hectares, elevando o potencial de produção de 110 mil sacas de 60 quilos de café, para 135 mil sacas/ano.

A produção integral das três fazendas da companhia é comercializada no mercado externo. "O aumento da demanda nos países com quem fazemos negócios nos motivou a elevar a produção", diz Washington Rodrigues, diretor geral da empresa.

O principal pilar de sustentação das vendas de café brasileiro no mercado internacional é segmento de café expresso. "As exportações brasileiras oscilam ao sabor da demanda mundial por café expresso, cuja tendência é de acentuado crescimento", diz Rodrigues. O bom desempenho do produto brasileiro neste segmento se deve ao fato de que o café produzido no Brasil tem acidez reduzida, fator essencial para a produção expresso. Um dos indicadores que atesta o crescimento da demanda por expresso é o comportamento das vendas de máquinas de café expresso. As vendas de máquinas estão aumentando, bem como o número de empresas fornecedoras. "Um bom exemplo é o da Nestlé, que por meio de sua subsidiária Nespresso prevê demanda de aproximadamente 1 bilhão de xícaras de expresso por residência até 2005 na Europa", diz.

Novos negócios

A aquisição da fazenda Rio Verde resultou no lançamento de uma nova marca de café no mercado internacional o "Café Rio Verde", que será lançado em abril na Dinamarca. "Estaremos com quiosque no aeroporto de Copenhague a partir do dia 10 de abril", diz.

O grupo pretende também reforçar a estratégia de construção de um conceito de "griffe" de café. "Atualmente nossos clientes estampam em suas embalagens a marca Ipanema, coisa muito incomum há cerca de dez anos", afirma. A qualidade de produção da Ipanema tem feito com que as torrefadoras internacionais queiram assinar seus produtos em parceria com o fornecedor. "Essa tendência foi iniciada em 1994 pela Mitsubishi e hoje é busca comum aos fornecedores.

A Ipanema atua há 33 no mercado internacional por meio de parcerias com um importantes torrefadoras. Nos Estados Unidos, a empresa fornece café para a Starbucks, no Japão a parceria é com a empresa Mitsubishi.

Na Escandinávia, a companhia comercializa sua produção para a Cooperativa Nacional de Produtores. Além disso, a Ipanema mantém contratos com empresas da França, Holanda, Alemanha, Suíça, Itália e Espanha. "A abertura de novos mercados é impossibilitada porque a demanda é muito elevada", diz Rodrigues.

Na safra 2003/04, a produção total da Ipanema caíra cerca de 40%, para 70 mil sacas, em comparação com as 113 mil sacas do período passado. "A queda se deve ao ciclo de produção do café, que é de dois anos", diz Rodrigues. Para o próximo período ele projeta um volume de 135 mil sacas.

Perfil do grupo

A Ipanema Agrícola é uma empresa de capital privado, formada pela participação de dois importantes grupos nacionais: Cia. Bozzano e Trilux Participações S.A. Em 1970 os dois grupos se associaram para a criação do Projeto Ipanema, com o objetivo de produzir e comercializar café com qualidade diferenciada, alta tecnologia agrícola, alta produtividade e gerenciamento profissionalizado.

O Projeto Ipanema conta com três empresas: a Ipanema Agrícola, produtora especializada no segmento de cafés especiais; a Ipanema Trading, subsidiária responsável pela venda internacional dos cafés produzidos pela Ipanema; e a Café Fazenda de Minas Ltda., subsidiária responsável pela comercialização de café torrado e torrado e moído para o mercado interno.

A Ipanema atua também no segmento de gastronomia fina e "food service" na área de café expresso por meio de um contrato de exclusividade para o mercado nacional com a Cia. Cafeera de Grãos.

Anúncios que podem lhe interessar


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink