Justiça decide manter liminar a favor da Cargill
CI
Agronegócio

Justiça decide manter liminar a favor da Cargill

Tribunal manteve liminar que paralisa o processo de incorporação da Bunge Fertilizantes pela Fosfertil
Por:

A terceira turma do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve na terça-feira (13-02) uma liminar concedida à Mosaic, divisão de fertilizantes da Cargill, que paralisa o processo de incorporação da Bunge Fertilizantes pela Fosfertil. A medida judicial, concedida em dezembro, foi mantida por unanimidade no julgamento de um recurso interposto pela Bunge.

A Mosaic, a Bunge e a Yara, três das maiores empresas do setor no mundo, são sócias na Fertifós Participações, controladora da Fosfertil e controlada pela Bunge. A Mosaic teve seus conselheiros na Fertifós afastados por decisão da Bunge, e entrou na Justiça questionando o ato e a legitimidade das decisões do novo conselho. A liminar impede a realização de reuniões de conselho ou assembléias da Fosfertil enquanto o mérito da ação da Mosaic não for julgado. “A decisão de ontem é marco importante para a Fosfertil e para a livre concorrência na base da cadeia produtiva do agronegócio”, afirma Tobias Grasso, presidente da Mosaic.

A Bunge informou que analisará a decisão de ontem para tomar novas ações legais contra a interrupção da incorporação. Segundo a empresa, o afastamento dos conselheiros da Mosaic deu-se porque a empresa da Cargill não solicitou o voto múltiplo no conselho, que garantiria a proporcionalidade de assentos ao número de ações. Assim, coube à acionista majoritária decidir a formação do conselho.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink