Lavoura de feijão está em final de colheita no Rio Grande do Sul


Agronegócio

Lavoura de feijão está em final de colheita no Rio Grande do Sul

1 acessos

A lavoura de feijão no Rio Grande do Sul está em fase final de colheita, já que a redução de chuvas no período permitiu uma maior rapidez na colheita do grão. A terceira estimativa de produção para a cultura do feijão 1ª safra da Emater/RS, apresenta uma redução de 20,18% sobre a inicialmente prevista, passando a produtividade média de 1.110 kg/ha para 886 kg/ha, devido ao excesso de chuvas que ocorreu na implantação e desenvolvimento da lavoura. De acordo com o levantamento semanal da Secretaria da Agricultura e Abastecimento, através da Emater/RS, houve uma diminuição da produção sobre a estimativa inicial projetada de 27,5 mil toneladas, ficando a última estimativa em 108.453 toneladas.

As poucas precipitações ocorridas foram esparsas, localizadas e de baixa intensidade, e a alta evaporação continuou favorável às culturas de verão e pastagens, com exceção às olerícolas a céu aberto e sem irrigação. Embora a umidade do solo seja considerada satisfatória, algumas regiões se ressentem de um balanço hídrico mais favorável

Para o arroz, o clima atual é considerado muito bom pelos técnicos. A forte insolação e a boa disponibilidade de água faz com que as lavouras se recuperem e apressem seu ciclo. Mas, a cultura continua atrasada em relação às médias históricas para o período. A última estimativa realizada pela Emater/RS registra o desenvolvimento vegetativo em 70%, em floração, 20%, e em enchimento de grão, em 10%.

As lavouras de milho, apesar da pouca chuva e da alta evaporação ocorrida, apresentam bom desenvolvimento e os ataques de lagarta-do-cartucho são pontuais e não chegam a preocupar o agricultor. A soja entra na fase considerada mais crítica em relação à necessidade de água. Segundo as últimas estimativas, 60% das lavouras encontram-se em fase de floração e enchimento de grãos. As chuvas que caíram no final de semana no Estado beneficiou os produtores do Estado.

Frutas

Iniciada com pequeno atraso a colheita do figo verde para a indústria. Na Serra, os pomares estão em boas condições fitossanitárias. Os pomares de maçã estão em muito boas condições de sanidade e o clima é favorável para o amadurecimento das frutas. Na maior área de produção de uvas viníferas do Brasil, na região serrana gaúcha 10% dos parreirais já foram colhidos. As altas temperaturas e a grande insolação estão beneficiando as uvas fazendo aumentar a graduação de açúcar nas variedades precoces.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink