Lei ambiental deve respeitar os limites do agricultor

Agronegócio

Lei ambiental deve respeitar os limites do agricultor

No Dia do Agricultor, Edivaldo Del Grande fala sobre o indivíduo do campo diante das novas exigências de produção sustentável
Por: -Janice
528 acessos

Em sua mais recente coluna, o presidente das Cooperativas do Estado de São Paulo e colunista do Portal Agrolink, Edivaldo Del Grande, fala sobre o atual produtor rural e os novos desafios impostos para o setor primário. “O tempo passou, mas as dificuldades persistem. O indivíduo do campo se mistura às novas exigências de produção sustentável”, diz.

Del Grande lança um desafio ao propor a prática de um diálogo construtivo sobre o tema. Ele ressalta que as leis ambientais devem ser conduzidas a cerca da realidade do homem do campo, levando em consideração as dificuldades de adaptação à nova política preservacionista.

Para o colunista, construir um perfil negativo do produtor rural por passivos ambientais é ignorar um passado de conquistas e as dificuldades presentes, representadas pelo endividamento agrícola, provocado por seguidos anos de clima desfavorável e quebras de safra. “Que se combatam os abusos, que se preservem os recursos naturais, mas que se negocie sem paixões com esse homem de boa vontade”, aconselha Del Grande.

Confira a íntegra da coluna “O novo produtor rural


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink