Leilão Virtual de Nelore liquidará fêmeas selecionadas

Agronegócio

Leilão Virtual de Nelore liquidará fêmeas selecionadas

Evento acontece no dia 12 de fevereiro
Por:
1124 acessos
No sábado, 12 de fevereiro, as fazendas São Francisco da Bela Vista e Canto da Mata, localizadas no Vale do Paraíba, liquidarão fêmeas elite com excelentes padrões raciais

O Leilão Virtual de Liquidação das Fazendas São Francisco da Bela Vista e Canto da Mata, dos irmãos selecionadores Rubens Freire Gonçalves e Marcos Gonçalves respectivamente, disponibilizará ao mercado investidor da raça Nelore 50 lotes somando aproximadamente 130 animais que apresentam variedade de opções principalmente para criadores que estão iniciando seus investimentos na raça como, também, criadores tradicionais que buscam agregar genética selecionada para seus plantéis.

Os promotores adiantam que os lotes ofertados apresentarão variedade de idade e genética, sendo distribuídos em fêmeas com bezerros e bezerras ao pé e vacas prenhas. “Ofertaremos ao mercado investidor animais diferenciados, vacas de bom porte com habilidade materna e padrão racial muito bonito. Fêmeas que podem ser úteis tanto ao novo criador como àqueles que já estão trilhando seleção da raça e precisam incrementar seu plantel”, comenta Rubens.

O leilão acontece a partir das 14h e contará com transmissão Nacional pelo Canal Terra Viva. A leiloeira será Nova Leilões. Informações adicionais: Fone (12) 3642-5064 no horário comercial.

Os plantéis

Marcos Gonçalves ressalta que os criatórios foram formados em 2006 através de uma escolha criteriosa de animais provenientes de fazendas consagrados da raça Nelore, como Santa Nilza, Sabiá, Baluarte entre outras. “Formamos nosso plantel selecionando três bases genéticas: Fajardo, Legat e Inca e sempre visamos agregar linhagens paternas com padrões raciais fiéis, pois nosso objetivo foi direcionar nossa seleção para venda de touros”, ele explica.

Ele complementa que o trabalho de seleção das duas fazendas não irá se extinguir completamente pois os irmãos continuarão a criar Nelore comercial. “O prazer e a paixão de ser um Nelorista não se acabará com a liquidação dos animais de elite, continuaremos firmes com nosso gado comercial e não nos afastaremos completamente da raça”, finaliza Marcos, que também é criador de Mangalarga Paulista há 31 anos.

As informações são da assessoria de imprensa do leilão.
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink