Leilões PEP e Pepro devem incentivar preço do trigo na Região Sul

Agronegócio

Leilões PEP e Pepro devem incentivar preço do trigo na Região Sul

Com a medida, Conab que espera produtor volte a ter melhores condições de comercialização
Por:
436 acessos

A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) realizou nesta sexta-feira (2) duas operações de subvenção para incentivar a equalização de preços de 215 mil toneladas de trigo produzido no Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O incentivo foi solicitado pelo setor porque o trigo em grãos da safra 2016/2017 vem sendo comercializado na Região Sul a preços abaixo do mínimo fixado pelo governo federal, de R$ 0,6442 o quilo. Novos leilões de mais 285 mil toneladas do produto estão previstos para o próximo dia 9.

No leilão de Prêmio Equalizador Pago ao Produtor Rural (Pepro), foi negociada subvenção para 86% ou 92,5 mil das 107,5 mil toneladas previstas. Na operação de Prêmio para Escoamento de Produto (PEP), a negociação atingiu apenas 34,2% (36,7 mil t) das 107,5 mil toneladas previstas.

O prêmio PEP é um incentivo econômico oferecido a quem comprar o produto de cooperativa ou produtor e escoá-lo para uma região definida, enquanto que o Pepro é destinado apenas a produtor ou cooperativa que se disponha a vender a sua mercadoria (no caso o trigo) pela diferença entre o preço mínimo e o de referência definido pelo governo, com o dever também de escoá-lo de acordo com o edital.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink