Leite em pó e queijos colaboram para redução nas importações
CI
Agronegócio

Leite em pó e queijos colaboram para redução nas importações

Em julho as importações brasileiras de lácteos foram de US$36,7 milhões, 7,2% menos que em junho
Por:
Por Jéssyca Guerra

Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC), em julho as importações brasileiras de lácteos foram de US$36,7 milhões, 7,2% menos que em junho.

Em equivalentes litros de leite o recuo foi de 2,2%, totalizando 72,6 mil toneladas.

Para o leite em pó e os queijos, principais produtos importados, as reduções foram maiores, considerando os valores em dólares, 9,0% e 7,2%, respectivamente.

A Argentina permanece como maior exportador de lácteos para o Brasil, com 45,1% do mercado, seguida pelo Uruguai (30,2%) e pelo Chile (8,1%).

O Chile tem aumentado sua participação nos últimos meses.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink