Lento escoamento de carne bovina no atacado dificulta valorizações da arroba do boi gordo

Agronegócio

Lento escoamento de carne bovina no atacado dificulta valorizações da arroba do boi gordo

Em São Paulo, as programações de abate melhoraram nos últimos dias e atendem cerca de sete dias
Por:
379 acessos

Em São Paulo, as programações de abate melhoraram nos últimos dias e atendem cerca de sete dias. Com isso as ofertas acima da referência, que vinham sendo observadas, já não ocorrem com tanta frequência.

Do lado do atacado, o lento escoamento no mercado não tem motivado valorização dos animais terminados. Aliás, a demanda fraca por carne e a melhora nas escalas fizeram com que boa parte das indústrias iniciasse a última quinta-feira (20/10) com tentativas de compra abaixo da referência.

As valorizações, quando ocorrem, são justificadas pela oferta restrita de boiadas, já que a demanda por carne bovina está fraca em praticamente todas as regiões. No mercado atacadista de carne com osso, o boi casado de animais castrado está estável, cotado em R$9,32/kg. Para o curto prazo a tendência é de que o consumo fraco de carne continue limitando a valorização do boi gordo.


Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink