Liderança é um dos assuntos do CNA Jovem que acontece esta semana em Cuiabá

Agronegócio

Liderança é um dos assuntos do CNA Jovem que acontece esta semana em Cuiabá

Jovens de diversos municípios mato-grossenes participam, esta semana, em Cuiabá, do segundo encontro do programa CNA Jovem - Jovens Liderando o Agro!
Por:
649 acessos

Jovens de diversos municípios mato-grossenes participam, esta semana, em Cuiabá, do segundo encontro - etapa estadual - do programa CNA Jovem - Jovens Liderando o Agro!  Idealizado pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR), o programa conta com 15 participantes vindos dos mais diversos municípios mato-grossenses. A programação é intensa, mas mesmo assim a turma está cheia de expectativas para trabalhar o conteúdo que, nesta etapa, inclui assuntos como liderança e relações hierárquicas.

Os participantes selecionados pela Federação da Agricultura e Pecuária (FAMATO), com idade entre 22 e 30 anos se preparam para impulsionar ainda mais o setor empresarial rural. Daniel Braga Caneppele, de 25 anos, morador de Nova Mutum é um dos jovens selecionados. Engenheiro agrônomo e de família de produtores rurais, Caneppele conta que o curso já lhe deu ferramentas para melhorar o relacionamento com as pessoas.

Embaixador do CNA Jovem e participante da primeira turma, o superintendente do SENAR-MT, Otávio Celidonio ressalta que este programa é fundamental para quem quer assumir cargos de lideranças na sua região. Além das informações, conhecimento e diversas ferramentas, os participantes também têm a oportunidade de ampliar a rede de contatos. "No ano passado encontramos com pessoas de 24 estados, cada um com sua realidade e desafios, mas todos com objetivo em comum que é setor agropecuário".

Celidonio acrescenta ainda que trabalhar é antes de mais nada lidar com pessoas. "Ninguém faz nada sozinho. Dependemos de uma equipe para conquistar o sucesso". Para Celidonio, programas como o CNA Jovem são importantes porque fornece ferramentas para que os participantes exerçam a liderança que é importante em qualquer momento da vida e, em qualquer profissão.

Isabela De Ceni, agrônoma e também nascida em uma família de agricultores rurais, acrescenta que além da rede de contatos, ela já pode aplicar no seu cotidiano algumas das ferramentas para melhorar os relacionamentos. "Outro ponto importante são os assuntos abordados que faz aflorar o potencial que já temos".

Os jovens estão trabalhando em seus projetos chamados de desafios. Problemas de logística, custo da produção e a sucessão familiar de uma propriedade são alguns deles. A etapa estadual é uma espécie de seletiva para a Nacional que irá ocorrer no mês de junho, em Brasília, onde serão apresentados os três melhores projetos de cada Estado.

Do município de Jaciara, Ricardo Shiapinotto, de 23 anos, é integrante da terceira geração da família de produtores rurais e ressalta que mais que tudo, o CNA Jovem está possibilitando a ampliação dos seus conhecimentos sobre política e como ela influencia no setor agropecuário.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink