Live discute potencial de mercado para profissionais especializados em certificação de folhosas
CI
Imagem: Divulgação
AGRONEGÓCIO

Live discute potencial de mercado para profissionais especializados em certificação de folhosas

A live ocorrerá no dia 20 de dezembro no canal da Embrapa no youtube
Por:

Participantes, ou interessados no tema, do curso “Produção Integrada de Folhosas – Inflorescências e Condimentares (PIFIC)”, voltado à formação de responsáveis técnicos e auditores para atuarem no processo de certificação desse grupo de hortaliças, terão a oportunidade de obter mais informações sobre as chances profissionais dos capacitadores a partir das 15 horas do dia 20 de dezembro no canal da Embrapa no youtube (www.youtube.com/embrapa).

Numa ação compartilhada, a live será apresentada por Henrique Carvalho, Chefe-adjunto de Transferência de Tecnologia da Embrapa Hortaliças e por Nede Silva, diretor-executivo do Instituto Certifica, única instituição credenciada pelo para formar profissionais especializados na certificação de Produção Integrada (PI). “A ideia é trazer esclarecimentos sobre o potencial de mercado para agrônomos e técnicos agrícolas que desejam tornar-se responsáveis técnicos (RT) e auditores na produção integrada”, assinala Fernanda Nascimento, supervisora da área de Prospecção e Avaliação de Tecnologias.

Ao acrescentar que a transmissão não será restrita aos inscritos, mas também extensiva a outros interessados no tema, a supervisora chama a atenção para o formato de oferta contínua do curso de PI de Folhosas, “o que facilita a inscrição de outros participantes”. 

O curso on-line, com inscrições abertas desde 22 de novembro, conta com a participação 650 inscritos – técnicos agrícolas e agrônomos, além do público interessado em conhecer as boas práticas de produção de 32 espécies de hortaliças folhosas, inflorescências e condimentares.

PIFIC

Com a publicação da Instrução Normativa do MAPA nº 1, de 11/01/2021, que estabeleceu as normas técnicas da PIFIC, os produtores desse grupo de hortaliças já poderão certificar seus produtos com o selo “Brasil Certificado: Agricultura de Qualidade” do MAPA/Inmetro. Esta certificação é baseada em Boas Práticas Agrícolas (BPA) e na sustentabilidade, permitindo a rastreabilidade de todas as etapas de produção – com ela, dentre outras coisas, o produtor que adere à PIFIC já se insere também no arcabouço da Instrução Normativa (IN) conjunta Anvisa-MAPA nº 02, publicada em 2018, que determina a rastreabilidade de alimentos in natura desde a produção agrícola à comercialização nos pontos de venda. Com isso, torna-se necessária a identificação dos produtos, dos estabelecimentos rurais, o uso de insumos, entre outros, juntamente com as recomendações técnicas dos agentes certificadores.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.