Livro aborda Zoneamento Agroecológico para o Dendezeiro na Amazônia

Agronegócio

Livro aborda Zoneamento Agroecológico para o Dendezeiro na Amazônia

A palma de óleo tem despertado o interesse para a produção de biocombustíveis
Por:
1912 acessos
A Embrapa Solos (Rio de Janeiro, RJ), Unidade da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, vai lançar o livro Zoneamento Agroecológico, Produção e Manejo para a Cultura da Palma de Óleo na Amazônia (215 páginas), editado pelos pesquisadores Antonio Ramalho Filho, Pedro Luiz de Freitas, Paulo Emilio Ferreira da Motta e Wenceslau Geraldes Teixeira.


A palma de óleo tem despertado o interesse de cientistas, especialistas e, mais recentemente, de planejadores e do setor privado para a produção de biocombustíveis nas regiões tropicais. É a planta oleaginosa com maior produtividade de energia por área, podendo resgatar a sustentabilidade econômica e social da agricultura familiar.

A obra é a reunião de dois livros em um. O primeiro trata do zoneamento agroecológico das áreas desmatadas da Amazônia para o cultivo da palma de óleo (dendezeiro). Nele são identificadas em mapas as unidades ambientais da paisagem desmatada na Amazônia, ocupadas com terras na grande maioria, esgotadas e ocupadas com pastos em estado avançado de degradação, que tenham aptidão para o cultivo da palma de óleo, e também aquelas que se excluem dessa possibilidade por serem matas nativas, áreas de reserva legal ou inaptas para tal cultivo. Traz ainda, como bônus, atualização metodológica, que permite total informatização dos procedimentos de elaboração de zoneamentos agroecológicos, seja na avaliação das aptidões de solo e de clima, na organização da informação ou na produção cartográfica.


O segundo livro reúne em 14 capítulos todo o conhecimento disponível para a implantação e o manejo eficientes e sustentáveis de lavouras de palma de óleo em terras com diferentes níveis de aptidão agrícola sob variados aportes tecnológicos. Além disso, descreve estratégias de ampliação da economicidade dos empreendimentos, destacando: as alternativas de convivência e controle dos agentes de sua doença mais grave – o Amarelecimento Fatal. Também aborda as possibilidades de adoção da cultura da palma de óleo como alternativa econômica e sustentável viável tanto pela agricultura de base familiar como para grandes empreendimentos no contexto da agroenergia, com reflexos diretos na redução da pressão do desmatamento na Amazônia.

Os assuntos abordados estão ordenados em sequência, que vai do planejamento conservacionista das áreas aptas à implantação de palmares à escolha do material genético para a produção sustentável da palma de óleo.

Esta obra é resultado de uma ação para a Amazônia com recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT), que tem o objetivo de criar bases científicas para a produção de biocombustível nas regiões remotas de fronteira da Amazônia.


Acompanha o livro CD contendo o Zoneamento Agroecológico para a Cultura da Palma de Óleo nas Áreas Desmatadas da Amazônia Legal.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink