Agronegócio

Maior moenda começa a operar nos EUA

O maior conjunto de moendas do planeta entrou em operação dia 26 de novembro na empresa Norte-americana US Sugar Corporation
Por: -Redação
18 acessos

O maior conjunto de moendas do planeta projetado, fabricado e vendido pela Dedini, de Piracicaba (SP), entrou em operação no dia 26 de novembro na empresa Norte-americana US Sugar Corporation - EUA, situada na Flórida. A empresa, fundada nos anos 30, é a maior produtora de açúcar daquele país, fabricando 40 mil toneladas do produto por dia. O novo equipamento modernizou as suas instalações.

Com toda a Engenharia, Automação e Fabricação feitas em Piracicaba, o Tandem (conjunto de unidades alinhadas) tem capacidade para moer 28 mil toneladas de cana-de-açúcar por dia. Os equipamentos de recepção, preparo da cana e extração do caldo também foram fornecidos pela Dedini.

"Apesar do real valorizado, que também assusta a Dedini, o segredo foi o agregado de tecnologia que fez a diferença. A Dedini já tem uma larga experiência em instalações como esta e utilizou os mais modernos conceitos de materiais, automação e serviços para adicionar valor ao produto", analisa a Assessoria de Imprensa do grupo. O envio do equipamento produzido em Piracicaba foi iniciado em setembro de 2005, sendo necessária uma operação logística especial, envolvendo mais de 40 carretas e sete embarques pelo porto de Santos.

A Dedini foi escolhida em meio a uma concorrência internacional, quando foram apresentadas as melhores soluções de técnica, desempenho e capacidade. Os equipamentos fornecidos são de última geração, todos automatizados. A Dedini detém tecnologia própria para fornecer, em regime "chave na mão" usinas de açúcar e destilarias de álcool completas com a fabricação própria de todos os equipamentos e sistemas integrados, desde a entrada da cana, seu processo de destilação e fabricação de açúcar, até a geração de vapor e co-geração de energia excedente.

A empresa piracicabana é líder mundial no fornecimento de plantas completas. Atualmente suas usinas são responsáveis por 80% da produção nacional de álcool e mais de 30% da produção mundial. A USSugar pensa agora em expandir a usina, com a implantação de uma Destilaria de Ethanol, para aumentar o valor agregado do produto cana-de-açúcar.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink