Mais ajuda ao Leste Europeu
CI
Agronegócio

Mais ajuda ao Leste Europeu

Por:

A União Européia (UE) ofereceu aos países do Leste Europeu uma maior participação no seu orçamento de € 98 bilhões (US$ 98 bilhões), chegando próximo a um acordo para a admissão de 10 países ao bloco em 2004.

O governo dinamarquês, que participa a presidência rotativa de seis meses da UE, propôs o aumento crescente das despesas em € 2,5 bilhões anualmente por um período de três anos para ajudar os produtores agrícolas desses países e intensificar o controle das fronteiras.

A oferta, se for aprovada pelos atuais membros da UE, cria as condições para um acordo na conferência de cúpula com os líderes do bloco no próximo mês em Copenhague, afirmou Pavel Telicka, vice-ministro das Relações Exteriores da República Checa.

Os países que devem ser admitidos em 1° de maio de 2004, são Polônia, Hungria, República Checa, Eslováquia, Eslovênia, Lituânia, Letônia, Estônia, Malta e Chipre. Romênia e Bulgária pretendem ingressar em 2007. Ainda não há uma data para o início das negociações para a adesão da Turquia.

O primeiro-ministro polonês, Leszek Miller, afirmou que a oferta representa uma melhora e ajuda a encaminhar a conclusão das conversações em dezembro. A proposta concederia à Polônia € 6,5 bilhões líquidos entre 2004 e 2006. "Eles satisfazem pelo menos parte das expectativas dos países candidatos", disse Miller.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.