MANDIOCA/CEPEA: Maior oferta volta a pressionar cotações da raiz

Agronegócio

MANDIOCA/CEPEA: Maior oferta volta a pressionar cotações da raiz

Farinheiras seguiram comprando menor volume de raiz
Por:
1100 acessos
 A oferta de raiz de mandioca voltou a aumentar nas regiões acompanhadas pelo Cepea entre 25 e 28 de março. Os preços se enfraqueceram na semana anterior; assim, muitos produtores, temendo quedas ainda mais intensas, voltaram a colher a raiz. 

Nesse cenário, mesmo com a semana mais curta por conta do feriado religioso na sexta-feira, a quantidade de raízes processada pelas fecularias avançou. Do lado da demanda, farinheiras seguiram comprando menor volume de raiz, visto que agentes nordestinos reduziram a procura por farinha. Mesmo assim, algumas indústrias, principalmente da Bahia, ainda compraram a raiz de vendedores do Centro-Sul. 

Entre 25 e 28 de março, o valor médio a prazo da mandioca posta farinheira foi de R$ 353,54/t (R$ 0,6148/grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), ligeira queda de 0,2%. 

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink