Agronegócio

Mapa promove cooperativismo rural em evento latino-americano

Intenção é levar ao conhecimento da sociedade civil as ações do Ministério
Por:
1255 acessos
Intenção é levar ao conhecimento da sociedade civil as ações do Ministério, colaborando para a criação de um modelo único de cooperativas latino-americanas

Com a intenção de unir e articular organizações definidas como cooperativas num modelo único de negócio cooperativo, a Aliança Cooperativa Internacional das Américas (ACI Américas) está organizando a XVIII Conferência Regional: “A Década Cooperativista: Cenários e Perspectivas”. O evento ocorre no Guarujá, em São Paulo, entre 6 e 11 de Outubro. Durante a conferência será analisado o Plano da Década das Cooperativas, que tem a atribuição de fornecer informações fundamentais para facilitar o progresso conjunto de cooperativas, para que se possa alcançar em 2020 um modelo reconhecido como econômico e sustentável, tanto social e quanto ambientalmente.


O Ministério da Agricultura (Mapa) estará presente no evento, representado por Erikson Chandoha, diretor do Departamento de Cooperativismo e Associativismo do Mapa (Denacoop/SDC). Chandoha irá palestrar sobre o tema “Políticas Públicas do Mapa para o Cooperativismo Agropecuário”, levando ao conhecimento dos participantes latino-americanos as ações da pasta para o cooperativismo rural. Entre as ações estão a profissionalização das cooperativas a partir de programas de capacitação; a formação de uma juventude cooperativista, que estimula e favorece a sucessão no campo; o fomento ao cooperativismo e desenvolvimento rural sustentável, com o objetivo de difundir as inovações gerenciais e tecnológicas; e o apoio às cooperativas de pequenos produtores rurais, com a disponibilização de linhas de crédito, tais como o Prodecoop e a Procap-Agro.


Para o secretário de Desenvolvimento Agropecuário e Cooperativismo, Caio Rocha, esta é uma excelente oportunidade para que representantes de diferentes setores da sociedade civil organizada conheçam e discutam ações que possam maximizar as oportunidades para o setor. “Este momento histórico que estamos vivendo traz desafios sociais e ambientais em que as cooperativas se tornam cada vez mais relevantes”, enfatizou Caio.


Luana Brasil
Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink