Marrocos e Tailândia abrem seus mercados à carne bovina argentina


Agronegócio

Marrocos e Tailândia abrem seus mercados à carne bovina argentina

Por: -Admin
36 acessos

O Serviço Nacional de Sanidade e Qualidade Agroalimentar (Senasa), da Argentina, informou que o embaixador marroquino, Mohamend Mael Amin, transmitiu oficialmente ao presidente do órgão, Bernardo Cané, a decisão de seu governo de reabrir as importações de carnes do País.

Também, pela primeira vez na história, a Tailândia confirmou a abertura de seu mercado às carnes argentinas, somando-se a Hong Kong e Vietnã, no sudeste asiático.

De acordo com o Senasa, este é o resultado da visita feita pelo doutor Pratchak Thirarinrat, assistente do diretor-geral do Departamento de Desenvolvimento Pecuário do Ministério da Agricultura da Tailândia, entre os dias 17 e 23 de julho, que avaliou as ações técnicas e sanitárias que o organismo vem realizando, além de assistir a um leilão e visitar uma planta frigorífica, uma planta de armazenamento e o porto de Buenos Aires.

Thirarinrat, na ocasião, acordou com técnicos do Senasa os certificados para efetivar as exportações de carnes frescas desossadas, miudezas cruas e carnes e miudezas cozidas argentinas ao seu País.

Com Marrocos e Tailândia, já somam 44 os mercados reconquistados pelos argentinos desde 1º de fevereiro passado, depois da febre aftosa que atingiu o País no ano passado. A abertura do mercado marroquino, segundo o órgão, consolida a posição das carnes argentinas na região de Magreb, norte da África, onde Argélia e Egito vêm se afirmando como importadores de carnes frescas do País.


Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink