Mato Grosso comemora 11 anos livre da aftosa

Agronegócio

Mato Grosso comemora 11 anos livre da aftosa

Desde 1996 não existe registro de focos da doença no Estado
Por: -Redação
4 acessos

O estado com maior rebanho bovino comercial do país, 27 milhões de cabeças – comemora, nesta terça-feira (16 - 01), 11 anos livre da febre aftosa. Desde 1996, quando foi identificado o último caso de febre aftosa, em Colíder (650 km ao Norte de Cuiabá), não existe registro de focos da doença que prejudica tanto a pecuária quanto a economia do estado.

Neste período, órgãos públicos, entidades e produtores rurais, se empenharam, com sucesso, para manter a doença longe do rebanho mato-grossense. Na etapa de vacinação realizada em maio de 2006, por exemplo, o índice de imunização alcançou 98,5% do rebanho. Este trabalho garantiu a Mato Grosso, o status de estado livre de febre aftosa com vacinação e metade de sua área está habilitada para exportar carne para diversas comunidades internacionais, entre elas, o mercado comum europeu, maior cliente brasileiro.

Para o gerente executivo do Fundo Emergencial da Febre Aftosa (Fefa), Antônio Carlos Carvalho de Sousa, Mato Grosso está colhendo os frutos do esforço conjunto não só dos produtores, mas também de todos os governos. É uma evolução não só da pecuária como também da economia do Estado de Mato Grosso, onde grande parte da sua sustentação é na pecuária mato-grossense”. As info~rmações são da assessoria de imprensa da Ascom Famato.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink