Melancia gaúcha deve ser colhida até fevereiro
CI
Agronegócio

Melancia gaúcha deve ser colhida até fevereiro

Triunfo é, atualmente, o município com maior área plantada no Estado, chegando a 1.800 hectares
Por:
A produção de melancia precoce no Rio Grande do Sul está concentrada nas regiões Metropolitana, Centro-Sul e Central, e seu ciclo de colheita deve se estender até fevereiro. Triunfo é, atualmente, o município com maior área plantada no Estado, chegando a 1.800 hectares. Depois seguem Arroio dos Ratos, São Jerônimo e Butiá, entre outros, onde as colheitas ocorrem de final de novembro até fevereiro.


Outra parcela considerável da produção está nos municípios localizados na região Sul do Estado, onde as colheitas são tardias, iniciando-se em janeiro e estendendo-se até março, compreendendo Encruzilhada do Sul e Bagé, entre outros.

Triunfo tem 75 produtores que se dedicam ao cultivo da melancia, e 80% da safra já foi colhida. A expectativa, segundo o técnico agrícola da Emater/RS-Ascar em Triunfo, Ricardo Boesche, é que a produção se encerre até 20 de fevereiro. O mercado se desenvolve às margens da BR-386, na Ceasa e através de remessas para outros municípios do Estado, além do Paraná, Espírito Santo e São Paulo.


Assim, existe uma complementaridade entre essas regiões, que exportam grande quantidade para outros estados brasileiros, aproveitando a entressafra nos estados das regiões Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste do país.

Os extensionistas da Emater/RS-Ascar, atentos ao fato de que a cultura da melancia é muito exigente em adubação e deixa no solo, após a colheita, grande residual de nutrientes, incentivam o plantio direto de outras plantas como o milho, ou a implantação na área de cobertura de solo.


Na propriedade de Darci Luft, na localidade da Fazenda Barbosa em Triunfo, após o plantio da melancia a área recebeu o milho, no sistema de plantio direto, sem uso de lavração e gradagem. O resultado esperado foi surpreendente, avalia Boesche, e a estimativa de colheita é de uma safra igual ao cultivo convencional, mostrando que em uma mesma área pode ser realizado o plantio de culturas diferentes em um mesmo período agrícola.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink

Usamos cookies para armazenar informações sobre como você usa o site para tornar sua experiência personalizada. Leia os nossos Termos de Uso e a Privacidade.