Mercado de Commodities
CI
Agronegócio

Mercado de Commodities

Os futuros da soja para setembro fecharam o pregão a US$ 36,84 por saca
Por:
Gilda M. Bozza - Economista DTE/FAEP

Na sexta-feira (17), na Bolsa de Chicago, o mercado da soja operou em alta. Os preços deverão permanecer elevados frente ao quadro de oferta ajustada e de uma demanda forte. A atenção do mercado está voltada para o Crop Tour que visitará as principais regiões produtoras para levantamento da situação. Notícias sobre a economia norte-americana e a situação do euro contribuíram para o desempenho das commodities agrícolas.

Os futuros da soja para setembro fecharam o pregão a US$ 36,84 por saca, equivalente a R$ 74,23 por saca. Para março/13 o referencial foi de US$ 34,26 por saca, correspondente R$ 69,03 por saca.

No mercado do milho, o foco também é o Crop Tour que efetuará uma avaliação real das lavouras de soja e milho. Os preços do grão na Bolsa de Chicago estão em torno de US$ 18,86 por saca ((US$ 7,98 por bushel), equivalente a 38,00). Para março/13, a indicação de preço é de US$ 19,08 por saca (R$ 38,44 por saca).

Para o trigo, os preços permanecem elevados, com os futuros setembro negociados a US$ 19,25 por saca, correspondente a R$ 38,78 por saca. Para março/13 o referencial foi de US$ 19,55 por saca (R$ 39,39 por saca).

No mercado paranaense, o mercado da soja registra poucos negócios e preços estabilizados ao redor de R$ 73,58 por saca. Vale lembrar que em igual data de 2011, o preço da soja era de R$ 41,62 por saca.

O preço médio do milho mostrou reação, fechando a sexta-feira a R$ 26,83/saca. Para o trigo, preços mais altos, tangenciando a casa de R$ 30,85 por saca.

Atenção: Para comentar nesta página é necessário realizar o seu cadastro gratuíto ou entrar.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink