Mercado de reposição mantém trajetória de cotações firmes

Boi

Mercado de reposição mantém trajetória de cotações firmes

Apesar do cenário de pressão de baixa no mercado do boi gordo, as cotações no mercado de reposição estão firmes
Por:
49 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Apesar do cenário de pressão de baixa no mercado do boi gordo, as cotações no mercado de reposição estão firmes. No balanço geral, na média de todas as categorias de machos e fêmeas anelorados e estados pesquisados pela Scot Consultoria, as cotações fecharam a semana com ajuste positivo de 0,3%.

Em algumas regiões, onde os volumes de chuvas têm sido mais regulares, as pastagens já começam a se recuperar e a procura por animais de reposição se aquece. Esse é um dos principais fatores que explicam a firmeza do mercado de reposição, mesmo diante da menor atratividade do boi gordo.  Além disso, conforme os recriadores e invernistas entregam suas boiadas para os frigoríficos, a procura pela reposição do rebanho aumenta. Esse cenário deve se intensificar daqui até o fim do ano, garantindo ritmo para o mercado. 

Vale lembrar que, tanto para criadores como para recriadores e invernistas, o momento é de atenção redobrada ao mercado. Com a virada do ciclo de preços se aproximando, o bezerro produzido nesta estação de monta tem grandes chances de ser comercializado em um momento de preços favoráveis. Já para o recriador, o bezerro comprado agora também deve ser vendido como boi gordo em um momento de alta do mercado.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink