Mercado de reposição tem melhora na troca em Minas Gerais

Boi

Mercado de reposição tem melhora na troca em Minas Gerais

Baixa oferta de boi gordo pressionou para cima os preços da arroba
Por:
29 acessos

Receba Notícias como esta por email

Cadastre-se e receba nossos conteúdos gratuitamente
Obrigado por se cadastrar
  • Enviamos a você um email de boas vindas para ativação de seu cadastro.

Em Minas Gerais, os melhores patamares para a troca com qualquer categoria de reposição dos últimos 12 meses foram observados em dezembro de 2017, mas a partir de então o poder de compra começou a cair e em maio atingiu o menor valor observado desta série. Neste intervalo (dezembro a maio) a relação de troca piorou 11,0% para o pecuarista, contudo conforme a entressafra foi chegando, a baixa oferta de boi gordo pressionou para cima os preços da arroba, sendo assim, de lá para cá, o poder de compra do pecuarista mineiro tem se recuperado constantemente. 

Atualmente a melhor relação está na troca com bezerros de 7,5@. Nos preços atuais, a venda de um boi gordo garante a compra de 1,91 bezerro. Em maio a quantidade comprada era 1,25. As expectativas são de que essa relação continue favorecendo o recriador já que a oferta de boi gordo deve continuar restrita nas próximas semanas dando sustentação aos preços.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink