Mercado de terneiros no RS permanece aquecido

Agronegócio

Mercado de terneiros no RS permanece aquecido

O mercado das categorias jovens continua aquecido pela grande procura
Por: -Redação
4 acessos

O estado corporal dos animais no Rio Grande do Sul é de bom a muito bom, ocorrendo ganho de peso proporcional ao crescente aporte de forrageiras. O estado sanitário, em geral, também é bom, desde que observados os devidos cuidados com o aumento da incidência de ectoparasitos (carrapato, berne, mosca do chifre), resultante do aumento da umidade e calor no ambiente.

O preço do gado gordo permanece em níveis baixos, em decorrência do aumento da oferta. Já o mercado das categorias jovens, especialmente terneiros, terneiras e vaquilhonas continua aquecido, pela grande procura. Como exemplo disto, cita-se a seguir preços praticados em algumas feiras, durante as duas últimas semanas: em São Vicente do Sul, o preço médio dos terneiros ficou em R$ 2,39 o quilo vivo e das terneiras em R$2,12.; em Cachoeira do Sul, o preço médio dos terneiros nascidos na primavera passada ficou em R$ 2,31 o quilo vivo e dos nascidos no último outono em R$ 2,36. As informações são da assessoria de imprensa da Emater/RS.

Atenção: Para comentar esse conteúdo é necessário ser cadastrado, faça seu cadastro gratuíto.
  • Clicar no botão Entrar caso já possua cadastro no Agrolink
  • Se não tiver cadastro ainda em nosso site Cadastre-se gratuitamente e terá acesso a conteúdos exclusivos
  • Clique aqui todas as vantagens de fazer seu cadastro no Agrolink